Autenticidade: além de bonito ... é elegante!

 - Por que você perde seu bom humor fazendo essa confusão toda com seu cabelo? - perguntou meu pai, quando me encontrou chorando de raiva porque eu era muito menina, e não tinha a habilidade necessária para fazer o penteado da moda nos meus tempos de colégio. 

- É a moda! - lamentei-me. - Só que o meu cabelo nunca fica como os outros! 

Olhando-me gravemente, meu pai ordenou: - Divida seu cabelo ao meio, penteie-o para trás, e amarre-o com uma fita. Agora, use-o assim durante uma semana, e se metade das meninas de sua classe não copiarem você, eu lhe darei dez dólares. 

Pensei comigo que ele era incrivelmente ingênuo. Dez dólares, porém eram uma fortuna a que não podia resistir, e o fiz. 

Tivesse eu chegado à aula vestida com a camisola de dormir, minha agonia não teria sido maior. Mas quando a semana acabou, quase todas as meninas de minha classe estavam usando o cabelo separado simplesmente pelo meio, atado atrás com uma fita. 

Meu pai disse, então: - Não seja vulgar! O mundo já tem bastante mediocridade. Nunca tenha medo de uma idéia própria, e, se ela for certa, siga adiante com ela, sem se importar com o que faça todos os demais! 

E, embora ele tivesse ganho a aposta, deu-me uma nota de dez dólares.


Relato de: Sra. Brooks E. Cairns
Califórnia-EUA

Então, sejamos originais, não precisamos ter medo da autenticidade!!!

Modismo é legal até certo ponto, depois disso atrapalha ... pode crer!

E outra: não copie blogs, é feio ... ao agir dessa forma você assina seu diploma de inferioridade! 



A todos um ótimo dia!

18 rabiscos:

  1. "Não seja vulgar! O mundo já tem bastante mediocridade. Nunca tenha medo de uma idéia própria, e, se ela for certa, siga para adiante com ela, sem se importar com o que faça todos os demais! "

    Dizer o que mais, tudo dito de forma original.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post!!!!!
    Concordo plenamente, me esforço ao máximo para ser autêntica em tudo que eu faço, confesso que fico chateada com algumas atitudes que vejo por aí.
    http://bellaonediarys.blogspot.com
    @michelegimenes

    ResponderExcluir
  3. Olááá gatíssima!!!

    Adorei a texto !! Obrigada por compartilhar !
    Você sabe que sou uma defensora da autenticidade !
    Desde nova sempre usei as roupas que queria, mesmo que parecesse uma louca aos olhos de alguns, e até hoje não em deixo levar por modismos, claro que gosto de Moda, mas só uso se gostar meeesmo, e isso vai no comportamento também !
    Como eu disse num texto meu, já temos tantas coisas para resolver, pra que mascarar o que somos e o que gostamos, sejamos livres !!
    Sobre sua campanha contra o plágio, assino embaixo, meu raciocínio é que se a pessoa não tem capacidade pra escrever, coloque os créditos de quem teve !
    Quando fui vítima de plágio, as pessoas estavam assinando meus textos e até usando as fotos do meu marido e irmão !! E o pior de tudo, tinha um monte de gente comentando e elogiando !
    Fico pensando, a pessoa não se sente mal, vendo que está sendo apreciada por algo que ela não fez ? Lamentável !!

    Adorei o post, Flor !
    mega beijo no coração !!

    ResponderExcluir
  4. Olá minha querida amiga Deny!!
    Lindo, lindo, lindo!
    A sua forma de passar a mensagem foi autêntica e muito elegante! A sua superioridade está além da compreensão dos medíocres. Eu sempre admirei pessoa que seguem o seu próprio caminho, sem importarem-se com a opinião dos outros...claro que quando escrevo assim pode parecer a arrogância de não se importar com os outros...e não é nada disso! É apenas para que cada um valorize o seu jeito próprio de enxergar as coisas, de percorrer o caminho com as próprias pernas. Tenho muita pena daqueles que precisam do brilho dos outros para sentirem-se vivos.
    E você tem uma grande luz! Adorei a mensagem mesmo!
    Grande beijo,
    Jackie

    ResponderExcluir
  5. Que show! Amei essa história!
    Acredita que pensei que fosse sua mesmo? uashuahsuhas
    Só estranhei o fato do dólar. Pensei tbm que seu pai era chique demais e queria pagar a aposta com classe! rsrs....

    Bjokas..

    ResponderExcluir
  6. Olá menina!
    Gostei da história e graças a Deus nunca tive problema de plágio, já postei coisas de outros autores no meu blog, mas sempre com a autorização dos mesmos, tô pensando em montar uma revista eletrônica, mas voltando ao assunto do seu post, parece que esse negocio de copiar textos muita gente tem problema, mas enfim depois que inventaram o copiar+colar não tem jeito.

    Até+

    ResponderExcluir
  7. Olá Denielly!

    Muito preciosa essa mensagem em todos os sentidos! Tanto na vida com nossa própria forma de ser, quanto nos blogs, uma vez que tudo é extensão é de nós mesmos e se queremos viver bem, é preciso sempre estar em paz com nosso próprio interior para que tudo siga no fluxo do bem que podemos fazer na vida!

    Um abraço,
    "Todo o Conhecimento é Luz que Inspira a Alma" -*Vera Luz*-

    ResponderExcluir
  8. Gostei da mensagem muito sério descontraido.

    A autenticidade é essencial para a pessoa se sentir diferente é o que todo mundo deve ser mas eles não querem eles querem seguir uma moda que a mídia divulga e que se você não seguir é tachado de "fora da moda" nos grupos adolescentes.

    Ser diferente é tudo te da auto estima e faz se sentir bem.

    Ótima mensagem sobre copiar blogs é muito sério o que as pessoas fazem plagiando o blog alheio e muito feio se tornando um crime.

    Ótimo post gostei bastante da história da menina com o cabelo e da sua mensagem.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  9. Olá querida Deny!
    Amei amiga,a melhor coisa é ser nós mesmos,copiar não adianta,nem que você escreva uma frase,mas é melhor que parta de nós mesmos,pois se o blog tem nossa cara,então já esta dito...
    Parabéns pelo post,sensacional!!!
    Bjos querida!

    ResponderExcluir
  10. Muito Bom Deny, vamos compartilhando, aprendendo sempre.
    Grato.

    ResponderExcluir
  11. Olha só que história legal, a moda é a gente que faz e ser autêntico é uma das melhores qualidades do ser humano!! Adorei Deny, beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi Deny, seja bem-vinda ao Vivendo pela palavra!!Obrigada por sua bela participação!!! Uma boa noite

    ResponderExcluir
  13. Amo! Amo! Amo a autenticidade! Claro que quando nós somos autêntico tem gente que não aceita... Mas a pior pessoa para não aceitar isso somos nós mesmos! Adorei o post!
    Divulgue-o bem!
    Participo dessa campanha, pode deixar!
    bjs

    ResponderExcluir
  14. Nossa! Tô pasma, que lição..."olha meu cabelo...até murcho"...kkkk...
    Chêro flor...
    Khelen

    ResponderExcluir
  15. Sigo a seguinte idéia: só dou satisfações à minha chefe, aos meus pais, à minha namorada...
    Se eu tiver que fazer alguma coisa, são eles que vão poder em criticar ou não...
    Nunca fui do tipo de modinha... fazia (e faço) as coisas me vem na cabeça, óbvio dentro de um limite de mediocridade !!!
    Grande texto, Deny !!!!
    Bjussssssssssssss

    ResponderExcluir
  16. Eu jamais segui moda, imitei ninguem. Eu sempre gsotei de fazer a minha moda, mesmo que seja simplesmente classica. Eu odeio ver um monte de gente usando o mesmo estilo, enfeite, etc... Concordo que ser autentica é muito melhor.

    ResponderExcluir
  17. os homens e seu pragmatismo peculiar.
    rs
    beijo!

    ResponderExcluir

Leio, logo critico!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...